Ministério da Educação
Governo Federal - Brasil, um país de todos

LANÇAMENTO DE LIVROS - JUNHO 2017

Livros: Blindados no Brasil Vol - 1, Vol - 2; Renault F-17, Blindados no Haiti & Motorização no Exército Brasileiro 1906-1941

RELEASE LIVROS - COMO ADQUIRIR

O EMPREGO DOS ESQUADRÕES DE FUZILEIROS MECANIZADOS DE FORÇA DE PAZ NO HAITI: CONTRIBUIÇÕES PARA ...
12-Nov-2013

          Em 2004, o Brasil assumiu a liderança militar da missão das nações unidas para a estabilização do Haiti (MINUSTAH), enviando um efetivo de mais de 1.200 militares para compor o Batalhão Brasileiro de Força de Paz (BRABAT), constituído por três Companhias de Fuzileiros, uma Companhia de Comando e Apoio, um Grupamento Operativo do Corpo de Fuzileiros Navais e o Esquadrão de Fuzileiros Mecanizados (Esqd Fuz Mec F Paz), constituindo o maior engajamento em operações de paz na história das Forças Armadas brasileiras.  O Esqd Fuz Mec F Paz se tornou uma fração singular para o Exército Brasileiro, em função de sua composição de meios distinta de qualquer tropa de Cavalaria do Exército. Concebido para operar como força de choque do BRABAT, participou ativamente do processo de pacificação do Haiti, atuando em toda a área de operações sob a responsabilidade da tropa brasileira. Neste sentido, o presente estudo teve por objetivo integrar o histórico da participação dos 11 primeiros contingentes do Esqd Fuz Mec F Paz e as informações científicas relevantes e atualizadas, a fim de fornecer subsídios para a melhor compreensão sobre os reflexos do emprego do Esqd Fuz Mec F Paz nas contribuições para a tropa mecanizada. Foi realizada uma pesquisa bibliográfica baseada em publicações de autores de reconhecida importância no meio acadêmico e no meio militar. Foram realizados três questionários, sendo o primeiro destinado a oficiais e sargentos que desempenharam funções de comandante de tropa no Haiti; o segundo, para os Oficiais de Operações das Unidades de Cavalaria do Exército Brasileiro, que enviaram tropas para o Haiti; e o terceiro para oficiais superiores que desempenharam funções de comando e planejamento de emprego do Esqd Fuz Mec F Paz. Sendo ainda realizadas duas entrevistas com especialistas em tropa mecanizada e engenharia militar. Os resultados indicam que a participação do Esqd Fuz Mec F Paz contribuiu para a evolução do adestramento das tropas mecanizadas, na capacitação profissional e no desenvolvimento da liderança de seus comandantes de frações, contribuindo, ainda, para a evolução do emprego dos meios blindados e mecanizados em operações internas e de paz.

Para ler esta Dissertação de Mestrado apresentada à EsAO em setembro de 2013, pelo Cap. Cav. Armando José Crescencio Júnior, CLIQUE AQUI . (1,24 MB)

 
< Anterior   Próximo >